Óleo de cozinha pode fazer mal para a saúde?

De modo geral, se utilizados de forma correta os óleos vegetais podem até mesmo gerar benefícios à saúde. Porém, existem algumas particularidades entre as versões produzidas a partir do milho, soja, girassol, canola, algodão, dendê e oliva. 

oleo de soja
As propriedades de acordo com cada tipo de óleo

A utilização de óleo é imprescindível na cozinha, desde a produção de pratos, frituras e até de saladas é necessário sempre ter por perto algum tipo de óleo.

O que precisa ser observado é que deve haver uma escolha correta do óleo a ser usado para esse fim, alguns óleos possuem um pouco mais de sabor, e emprestam esse sabor aos alimentos, alguns também possuem melhor resistência a altas temperaturas sendo ideias para as frituras, outros são insípidos e não interferem no gosto dos alimento produzidos com eles.

Cada uma das sementes das quais são produzidos os óleos de cozinha, pode emprestar diferentes características ao produto. Porém, a diferença mais marcante entre os mesmos é a característica de instauração que está presente nas cadeias dos óleos e ácidos graxos.

Os óleos de milho, soja e de girassol apresentam maior concentração de ácidos graxos do tipo poli-insaturados, por exemplo. Esses ácidos graxos são responsáveis pela produção do LDL, conhecido como colesterol ruim e também do HDL, conhecido popularmente como o colesterol bom e isso faz com que existam mais ressalvas em relação ao consumo desses óleos.

Já os óleos feito a partir de sementes de canola, oliva e amendoim apresentam em sua composição maior quantidade de gorduras do tipo monoinsaturadas, e o consumo delas está relacionado diretamente a diminuição dos níveis do LDL sanguíneo, sem prejudicar os níveis do colesterol bom existente no mesmo. 

Quando for escolher um óleo, também devem ser considerados o seu sabor, o aroma e seu ponto de oxidação. Segundo estudiosos, o melhor óleo a ser usado regularmente para o consumo cru na cozinha é o óleo de oliva, devido as suas propriedades.

Os azeites são muito indicados para tempero de saladas devido aos seus sabores mais peculiares. Mas, o óleo de canola e o óleo de amendoim também são indicados para o consumo cru.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Saúde Certo © 2012 Todos os direitos reservados